terça-feira, 19 de março de 2013

Projeto Música e Movimento na Educação Infantil



Silêncio é um recipiente dentro do qual é colocado um evento musical. Por este motivo há a necessidade de preparar um ambiente adequado para as crianças vivenciarem todos os parâmetros da música.É a partir do silêncio tanto externo quanto interno que a música e toda a sua gama de intensidade é apreciada e produzida.
Murray Schafer (1991)

                                      
Tema: Descobrindo os sons e movimentos do mundo.
Eixos trabalhados: música e movimento
Infantil- II
Duração: Primeiro semestre
Professores:
Ano: 2013

JUSTIFICATIVA 

Este projeto tem como finalidade trabalhar a Música e o Movimento na Educação Infantil. A idéia do tema em destaque, surgiu devido a rotina de que as crianças ouvem as músicas e não realizam nenhum tipo de atividade diferenciada para o seu desenvolvimento.Segundo os PCNs, 1997, p. 75:
A proposta de ensino que considere esta diversidade precisa abrir espaço para o aluno trazer música para sala de aula, acolhendo-a, contextualizando e oferecendo acesso a obras que possam ser significativas para seu desenvolvimento pessoal em atividades de apreciação e produção.Para Bréscia (2003) a musicalização é um processo de construção do conhecimento, que tem como objetivo despertar e desenvolver o gosto musical, favorecendo o desenvolvimento da sensibilidade, criatividade, senso rítmico, do prazer de ouvir música, da imaginação, memória, concentração, atenção, auto-disciplina, do respeito ao próximo, da socialização e afetividade, também contribuindo para uma efetiva consciência corporal e de movimentação. As atividades de musicalização permitem que a criança conheça melhor a si mesma, desenvolvendo sua noção de esquema corporal, e também permitem a comunicação com o outro. Weigel (1988) e Barreto (2000) afirmam que atividades podem contribuir de maneira indelével como reforço no desenvolvimento cognitivo/ lingüístico, psicomotor e sócio-afetivo da criança, da seguinte forma: Desenvolvimento cognitivo/ lingüístico: a fonte de conhecimento da criança são as situações que ela tem oportunidade de experimentar em seu dia a dia. Dessa forma, quanto maior a riqueza de estímulos que ela receber melhor será seu desenvolvimento intelectual. Nesse sentido, as experiências rítmico musicais que permitem uma participação ativa (vendo, ouvindo, tocando) favorecem o desenvolvimento dos sentidos das crianças. Ao trabalhar com os sons ela desenvolve sua acuidade auditiva; ao acompanhar gestos ou dançar ela está trabalhando a coordenação motora e a atenção; ao cantar ou imitar sons ela esta descobrindo suas capacidades e estabelecendo relações com o ambiente em que vive. Desenvolvimento psicomotor: as atividades musicais oferecem inúmeras oportunidades para que a criança aprimore sua habilidade motora, aprenda a controlar seus músculos e mova-se com desenvoltura. O ritmo tem um papel importante na formação e equilíbrio do sistema nervoso. Isto porque toda expressão musical ativa age sobre a mente, favorecendo a descarga emocional, a reação motora e aliviando as tensões. Qualquer movimento adaptado a um ritmo é resultado de um conjunto completo (e complexo) de atividades coordenadas. Por isso atividades como cantar fazendo gestos, dançar, bater palmas, pés, são experiências importantes para a criança, pois elas permitem que se desenvolva o senso rítmico, a coordenação motora, fatores importantes também para o processo de aquisição da leitura e da escrita.
Desenvolvimento sócio-afetivo: a criança aos poucos vai formando sua identidade, percebendo-se diferente dos outros e ao mesmo tempo buscando integrar-se com os outros. Nesse processo a auto-estima e a auto-realização desempenham um papel muito importante. Através do desenvolvimento da auto-estima ela aprende a se aceitar como é, com suas capacidades e limitações. As atividades musicais coletivas favorecem o desenvolvimento da socialização, estimulando a compreensão, a participação e a cooperação. Dessa forma a criança vai desenvolvendo o conceito de grupo. Além disso, ao expressar-se musicalmente em atividades que lhe dêem prazer, ela demonstra seus sentimentos, libera suas emoções, desenvolvendo um sentimento de segurança e auto-realização. É importante salientar a importância de se desenvolver a escuta sensível e ativa nas crianças. Mársico (1982) comenta que nos dias atuais as possibilidades de desenvolvimento auditivo se tornam cada vez mais reduzidas, as principais causas são o predomínio dos estímulos visuais sobre os auditivos e o excesso de ruídos com que estamos habituados a conviver. Por isso, é fundamental fazer uso de atividades de musicalização que explorem o universo sonoro, levando as crianças a ouvir com atenção, analisando, comparando os sons e buscando identificar as diferentes fontes sonoras. Isso irá desenvolver sua capacidade auditiva, exercitar a atenção, concentração e a capacidade de análise e seleção de sons.

Objetivos didáticos:
·    Explorar e identificar elementos da música para se expressar, interagir com os outros e ampliar o conhecimento de mundo;
·        Perceber e expressar sensações e sentimentos através das músicas;
·        Ampliar o repertório musical;
·    Ampliar as possibilidades expressivas do próprio movimento utilizando gestos diversos e ritmos corporais;
·        Desenvolver memória musical;
·    Controlar gradualmente o próprio movimento, aperfeiçoando e ajustando suas habilidades motoras.
·       Desenvolver relações sociais e afetivas através das atividades de música e movimento.

Conteúdos:

CONCEITUAIS

·       Conhecimento de vários estilos musicais comparando ritmos, timbres, tonalidades entre outras características;
·       Exploração da linguagem corporal para explorar sons e ritmos diversos.



PROCEDIMENTAL

·       Apreciação musical
·       Memorização das letras das músicas
·       Participação em situações de identificação de elementos sonoros do dia a dia
·       Utilização de gestos para cantar expressando-se livremente
·       Percepção de estruturas rítmicas para expressar-se corporalmente por meio da dança e outros movimento

ATITUDINAIS
·       Valorização e respeito em relação às conquistas pessoais – em relação ao movimento – e o gosto musical de cada um.
·       Incentivo à criação e a livre expressão musical e motora.

DESENVOLVIMENTO
1-Roda de conversa
          Em roda de conversa falar com os alunos sobre os sons, para que servem como seriam viver sem eles. O que faz barulho?
Sugestão - Propor para eles a experiência de parar e ouvir os barulhos do ambiente e do próprio corpo.

2-Apreciação de músicas e movimentos diversos
A cada semana a professora utilizará um cantor/ compositor para ouvir para ouvir.
Sugestão - Durante esta atividade coletiva trará gêneros diversos, ex: MPB, clássica, instrumental, cantigas de roda, sons da natureza, etc... e junto com a  apreciação musical irá propor aos alunos movimentos que expressem ritmos, timbres, tonalidades , etc...

3-Identificar sons e movimentos dos animais
          A professora irá apresentar um CD, DVD ou outros recursos que mostrem os movimentos do animal e sons produzidos por este.
Sugestão – Coral dos animais, brincadeiras como: Senhor caçador.

4-Identificar os sons e movimentos de elementos da natureza
A professora irá apresentar um CD, DVD ou outros recursos que mostrem os movimentos de elementos da natureza e sons produzidos por eles.
Sugestão: CD’s diversos e dvd´s.
5-Brincar com músicas utilizando a linguagem corporal
Dinâmicas realizadas pela professora que explorará músicas variadas e diferentes tonalidades, ritmos, gestos e expressões corporais.
Sugestão – brincadeiras; Vamos passear na floresta? ; Rodas e brincadeiras cantadas.

6-Conhecendo instrumentos musicais.
A professora vai apresentar diferentes instrumentos musicais e seus sons incentivando os alunos a explorá-los.
Sugestão - Utilizar instrumentos da bandinha ou construir instrumentos como chocalho e tambor.
Avaliação
          Ocorrerá durante o desenvolvimento das atividades quando a professora deverá observar a participação, interesse dificuldades e conquistas de cada aluno, e incentivá-los onde tiverem mais dificuldades

Um comentário:

Aprendizagem para além da sala de aula ! disse...

A fundamentação desse projeto é muito boa. Parabéns pelo seu desenvolvimento...